#FicaADica

 

 

As bolsas de couro são as preferidas entre homens e mulheres, por sua durabilidade, qualidade e beleza ímpar, mas saiba que, apesar da resistência que aparenta, a sua bolsa de couro também precisa de cuidados. Por ter um custo mais alto, ela precisa fazer valer cada centavo que pagamos nela, e durar, de preferência, para sempre!

 

Se você gosta de estar na moda e comprar hits da estação, saiba que, em breve, pode estar com uma bolsa ultrapassada no armário – pela qual pagou um valor considerável. Então, à menos que sua conta bancaria suporte isso, compre um modelo mais tradicional, e nunca vai enjoar!

 

Vejamos por que você deve priorizar o material couro na hora de adquirir uma bolsa, e como cuidar de suas bolsas de couro.

 

 

Olhe que bela bolsa de couro
[Bolsa em couro Nobuck Yves Saint Laurent. Imagem: Madame Recicla/Reprodução

]

 

DEPOIS, VOCÊ PODE CONFERIR MAIS ESSAS DICAS:

» Entendendo o empréstimo para autônomo

 

» Cuidados para não sofrer alguns golpes

 

» Estabelecendo prioridades

 

CONHEÇA UM POUCO MAIS SOBRE O COURO

 

O couro é extraído de animais, geralmente bovinos. O local onde o couro é industrializado para se tornar bolsas, sapatos e uma infinidade de artigos chama-se curtume.

 

Quando retirado da natureza, o couro está sujeito a decomposição natural. O que a indústria faz é tornar o couro imperecível pelo processo chamado curtimento. Assim, a pele é submetida a diversos processos químicos.

 

Ao contrário dos materiais sintéticos, que conservam uma aparência uniforme, o couro pode apresentar marcas naturais, que são características do animal, como veias, rugas, etc. Algumas marcas que o couro carrega são de origens externas, como de parasitas, arranhados de arame farpado, entre outros.

 

De fato, fornecedores de couro in natura mais visados pelas grandes companhias são aqueles que tratam os animais de maneira que não fiquem com o couro marcado. O que dá a características dos tipos diferentes de couro, como o nobuck (com superfície aveludada, que troca de cor ao passar a mão), ou a camurça (fina e macia), não é o couro em si, mas o tratamento ao qual é submetido.

 

 

Camurça é algo lindo mesmo!
[Bolsa de camurça. Imagem: Dr. Lava Tudo/Reprodução]


 

COURO, O INCONFUNDÍVEL

 

Explicamos aqui as diferenças básicas entre couro natural e materiais sintéticos que se assemelham ao couro. É importante sabermos diferenciar um material do outro, para não comprar gato-por-lebre. Justamente para evitar induzir o consumidor ao erro, em 1965 foi estabelecida a “lei do couro”, que proíbe qualquer outro produto que não seja exclusivamente de origem animal usar na etiqueta, ou em qualquer outro lugar, a palavra “couro”.

 

O couro possui toque, cheiro e textura próprios. Existem muitos materiais que imitam essas características, mas para um bom conhecedor, o couro é único.

 

A LIMPEZA É ESSENCIAL

 

Mas calma! Não vá mergulhando suas bolsas de couro na água, muito menos na máquina de lavar!

 

O ideal é que a limpeza seja feita com um pano úmido ou seco, e se necessário, secar à sombra. Se notar que a bolsa necessita de uma limpeza mais completa, leve à lavanderia ou lojas especializadas em restauração de couro.

 

COMO CONSERVAR MELHOR SUA BOLSA DE COURO?

1) Evite o mofo

 

Cuidado, a visão abaixo pode levar alguns ao desmaio.

 

As bolsas mofaram depois de tanto tempo sem ventilar.
[Bolsas mofadas em reabertura de loja. Imagem: Casa e Jardim, Editora Globo/Reprodução]

 

Isso aconteceu em uma loja da Malásia, país do sudeste asiático, quando reabriu após cessarem as restrições da pandemia de Covid-19. Ao reabrirem a loja, depararam-se com muitos produtos de couro completamente mofados.

 

O couro, por se tratar de matéria orgânica, é um ambiente próprio para fungos e bactérias, se deixada em um ambiente fechado. O ideal é não guardar sua bolsa de couro em embalagens de plástico. Sacos de TNT são uma boa sugestão, pois é um tecido respirável. Fique atento também a bolsas esquecidas no armário, sem receber ventilação.

 

Mas o que fazer se sua bolsa de couro já mofou? Se o foco do mofo é pequeno, passar um pano molhado em vinagre de álcool resolve o problema. É uma solução pratica e barata!

 

Mas atenção, faça antes um pequeno teste em um cantinho da bolsa. O vinagre de álcool não costuma danificar, mas existem muitos tipos de acabamento para o couro, não sabemos como podem reagir. Depois disso, deixe secar em local ventilado e à sombra.

 

Ademais, hidrate sua bolsa de couro com um hidratante corporal. Isso evita rachaduras e mantém o brilho.

 

2) Evite manchas

 

 

O ideal é que sua bolsa de couro não seja exposta à chuva, pois a acidez dela pode deixar manchas em couros não tratados. Gotas de gordura também fazem estrago. Se cair gordura em sua bolsa, limpe com um pano absorvente, polvilhe talco ou amido de milho, aguarde um pouco e limpe de novo. Se ainda assim não sair, o jeito é levar até uma boa lavanderia.

 

Outro ponto que merece atenção: se sua bolsa é de cor clara, evite guardar perto de tecidos tingidos, para que não haja transferência de cor. O couro tipo camurça exige uma limpeza diferente. Se a bolsa estiver só com poeira, passe uma escova macia no sentido da fibra. Se estiver um pouco mais suja, misture uma colher de condicionador para cabelos e duas colheres de água. Com um pano, passe na bolsa, deixe agir por 10 minutos e enxague com um pano úmido.

 

3) Conserve o formato de sua bolsa

 

Quando compramos, a bolsa está intacta em seu formato. Para evitar que ela fique disforme, ou murcha, parecendo “deprimida”, devemos evitar dobrar ou colocar peso e cima dela.

 

4) Fique atento aos metais

 

Uma bolsa com metais oxidando fica com aparência envelhecida. Uma boa ideia é usar um polidor de alumínio nos feixes, tachas e fivelas para que fiquem sempre brilhando.

 

5) Cuidado com o peso

 

O couro é resistente, sim, mas tem seu limite. Se carregar mais peso do que a bolsa foi feita para carregar, vai forçar as paredes e as costuras, e corre o risco de ver suas coisas espalhadas no meio da rua. Então, tenha equilíbrio!

 

COMO LIDAR COM BOLSAS DE COURO COLORIDAS?

 

Praticamente todo couro passa por um processo de tingimento, que também que protege sua estrutura. Porém, algumas cores contêm pigmentos que desbotam com mais facilidade. Neste caso, não tem jeito: é preciso pintar.

 

É possível fazer isso em casa, com tinta apropriada pra couro. Se não sentir confiança, contrate alguém especialista para fazer este serviço.

 

ESTE É UM ARTIGO ESCRITO POR CRISTINA RIBEIRO, DO MUNDO BOLSA, em espaço para contribuição gentilmente cedido pelo Blog do Mestre. Nesse portal você pode saber absolutamente tudo sobre bolsas (mundobolsa.com.br).

 

VOCÊ SABE PARA QUE SERVE CADA TIPO DE FACA?

 

Se as bolsas têm uma infinidade de tipos e modelos, as facas também. Na sugestão de post da linha azul 👇🏻, você conhece quais são e onde usar:

 

 

 

E AINDA MAIS DICAS PARA VOCÊ:

👉 A faca certa para cada função

 

 

GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!