História

 

Quando pensamos nos maiores países do mundo, vários fatos históricos aconteceram para que esses países tivessem o tamanho atual. Território é um elemento importante, pois garante mais recursos, possibilidade de maior população, acesso ao oceano, dentre outras características.

 

Como foi mencionado aqui, território favorece o crescimento de uma nação, mas não é o único fator, pois há países pequenos e altamente desenvolvidos ou densamente povoados. Também exige um governo central forte, com governos regionais alinhados, caso contrário o território se fragmenta em novos países.

 

Vamos conhecer os maiores países do mundo?

 

 

Mapa múndi com os países estampados pelas próprias bandeiras
[A maioria dos países com territórios estampados pelas bandeiras. Imagem: Clker-Free-Vector-Images/Pixabay]


 

DEPOIS, VOCÊ PODE LER TAMBÉM

» Qual a diferença entre os principais tipos de governantes nacionais?

» 11 de setembro de 2001

» Desenvolvimento regional e a Zona Franca de Manaus

 

1º - RÚSSIA

 

Há muitos anos, a Rússia é o maior país do mundo em extensão territorial, com área de 17.075.400 km². Para manter um território desses, é necessária muita expertise.

 

Ao longo da história, alguns dos planos expansionistas mais malucos incluíram a invasão da Rússia, como em 1812. A partir do dia 24 de junho daquele ano, Napoleão Bonaparte e suas tropas iniciaram a “campanha russa”, e muitos dos soldados franceses não retornaram vivos ao país de origem.

 

O território russo já foi maior. Até o ano de 1867, o território do Alasca (maior do que 1.500.000 km²) pertencia à Rússia, sendo, então, vendido pelo império russo aos Estados Unidos da América. Esse território é uma base militar muito importante, sendo estratégico. Hoje, o que parecia loucura dos governantes estadunidenses, parece ter sido um ótimo negócio aos EUA.

 

No século seguinte, o território russo acabou crescendo novamente, com a fundação da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS). Somaram-se à Rússia (17.075.400 km²) os seguintes países: Lituânia (65.300 km²); Letônia (64.589 km²); Estônia (45.226 km²); Geórgia (45.226 km²); Armênia (29.743 km²); Azerbaijão (86.600 km²); Bielorrússia (207.595 km²); Cazaquistão (2.725.000 km²); Moldávia (33.846 km²); Quirguistão (199.900 km²); Tadjiquistão (143.100 km²); Turcomenistão (491.210 km²); Ucrânia (603.628 km²) e Uzbequistão (448.978 km²), o que resultou em 22.220.115 km², fora a invasão da Polônia.

 

Com o fim da URSS, os outros países anexados na fundação foram desmembrados novamente. Continuou sendo o maior país do mundo, mas era “vencida” a Guerra Fria pelos EUA.

 

2º - CANADÁ

 

O Canadá é o segundo maior país em extensão territorial, com 9.976.139 km². Apesar de ser um dos grandes, é de observar a diferença para o primeiro colocado, pois é, praticamente, metade do território russo.

 

3º - CHINA

 

A China possui a área de 9.596.961 km². Não é o país de maior extensão, mas se destaca por possuir a maior população mundial e o segundo maior PIB.

 

4º - ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA

 

Os Estados Unidos da América possuem uma área de 9.363.520 km². Esse território é fruto de constantes anexações e compras de territórios. Originalmente, quando colônias britânicas, os EUA eram treze estados às margens do Oceano Atlântico.

 

Com o passar dos anos, novos territórios foram anexados, até chegar à costa do Pacífico. Também houve a anexação da Califórnia e outros estados, após o fim de uma guerra e pagamento ao México pela cessão de território, em 1848. Uma das últimas aquisições foi, justamente o Alasca, estado que faz os EUA serem maiores do que o Brasil em território.

 

5º - BRASIL

 

Quinto maior país do mundo, o Brasil possui 8.514.876 km². Quando falamos de território, também houve acréscimos e diminuições com o passar dos anos.

 

Diferentemente dos EUA, boa parte de nosso território foi por consolidação e exploração de novas fronteiras pelos bandeirantes quando éramos colônia portuguesa. Havia uma divisão, a grosso modo, entre Portugal e Espanha, representada pelo Tratado de Tordesilhas (1494), da América do Sul, mas essa divisão acabou mudando, com novos tratados.

 

Revoltas no Brasil Colônia e Brasil Império não deram frutos, de modo que o Brasil permaneceu unido. Para não dizermos que o Brasil nunca comprou um território, o Acre foi adquirido da Bolívia pelo pagamento de dois milhões de libras esterlinas, em 1903, pelo Tratado de Petrópolis.

 

Por fim, vale lembrar que o Uruguai, à época de D. João VI, foi anexado como território brasileiro. Nessa época, foi chamado de Província Cisplatina.

 

A URSS, A RÚSSIA E A SPUTNIK,

 

Mesmo apagado após o fim da URSS, em certos momentos, volta o imaginário sobre uma briga entre russos e estadunidenses em todas as áreas, como foi a Guerra Fria. Um episódio, agora em 2020, que chamou a atenção, foi a vacina Sputnik, nome que também lembra o embate URSS x EUA. Quer saber mais? Veja a nossa sugestão na barra azul 👇🏻.

 

 

E AINDA MAIS PARA VOCÊ:

 

 

GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!