Curiosidades

 

Quando pensamos em camuflagem, um animal bem famoso é o camaleão, por conseguir assumir a cor do ambiente em que se encontra, como forma de aparecerem menos frente aos predadores. Existem outros animais que são ainda mais camufláveis, chegando a parecer com coisas da floresta (mimetismo), com as várias espécies de bicho-folha, bicho-folha-seca e bicho-pau. Vamos saber um pouco mais desses curiosos animais?

 

DEPOIS, VOCÊ PODE LER TAMBÉM

» Por que as formigas cortam as plantas?

 

» Os puffins ou papagaios-do-mar

 

» Como é ser uma toupeira?

 

O BICHO-FOLHA E O BICHO-FOLHA-SECA

 

Conseguiu achar?
[Um dos vários bichos-folha que existem. Imagem: Portal de Zoologia de Pernambuco / Reprodução]

 

O bicho-folha e o bicho-folha-seca são insetos de várias espécies da família Tettigoniidae e da ordem Orthoptera. As espécies mais verdes, das mais de sete mil identificadas, são conhecidas também como esperança, pela analogia feita com a cor. A depender da espécie, possuem asas ou até pernas com aspecto que se assemelha muito às folhas de árvores ou a gravetos. No caso do bicho-folha-seca, trata-se de um conjunto de insetos com coloração mais avermelhada/marrom, com manchas e outros detalhes no corpo que lembram muito as folhas de outono.

 

Em geral, as espécies de bicho-folha vivem em locais com árvores baixas, que não ultrapassam os três metros. Há uma espécie que vive na copa das árvores, mas é minoria.

 

Os bichos-folha comem... folhas! São insetos herbívoros, que comem vegetais diversos.

 

Em relação à reprodução, o macho fecunda a fêmea, em um encontro que dura cerca de uma hora, e ela põe ovos. Esses ovos terão cento e trinta e cinco dias até eclodirem, e depois os novos bichos-folha irão demorar mais cinco meses para ficarem adultos, e trocarem de pele umas seis vezes.

 

O aspecto deles ajuda a proteger, mas não é cem por cento suficiente para evitar o ataque de predadores como pássaros e louva-a-deus. Os bichos-folha passam bem paradinhos, também como as folhas, ao longo do dia. Só um vento bem forte para fazê-los mudar de lugar, ou mesmo a alimentação.

 

O BICHO-PAU

 

Esse aqui na natureza possui mimetismo, mas aqui é visível
[Olhe só esse bicho-pau! Imagem: Coisas da Roça / Reprodução]


 

Se são cerca de sete mil espécies de bicho-folha, há menos espécies de bichos-pau: são duas mil conhecidas até então. Elas são mais numerosas em regiões tropicais.

 

Trata-se de um inseto grande, se comparado aos demais. Se moscas e formigas têm um centímetro ou menos, o bicho-pau possui trinta centímetros.

 

Os bichos-pau também são herbívoros, com cor parecida ao que comem. Os ovos possuem um aspecto de semente, ficando camuflados também.

 

E SE AS LESMAS FOSSEM APENAS CARACÓIS DIVORCIADOS?

 

Bem curiosa essa reflexãozinha da internet. Na linha azul 👇🏻, você tem um link para conhecer mais sobre esses curiosos animais também:

 

 

 

E AINDA MAIS PARA VOCÊ:

👉 Saiba mais sobre as lesmas e os caracóis

 

 

GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!