Curiosidades

 

Um meme chamou a atenção para a vida afetiva das lesmas. Será que os caracóis são aqueles que ficaram com a casa após o divórcio?

 

Além das brincadeiras envolvendo esses animaizinhos que estão por aí, será que eles realmente têm alguma relação? Vamos descobrir algumas coisas sobre eles!

 


E aí, quem fica com a casa?
[Olhe só o meme aí! Imagem: Reprodução / Circulando pelas redes sociais]


 

DEPOIS, VOCÊ PODE LER TAMBÉM

» Orégano: o tempero mágico

 

» O controle de pragas em lavouras

 

» Os supervulcões

 

EXISTE ALGUM GRAU DE PARENTESCO ENTRE AS LESMAS E CARACÓIS?

 

Segundo a Britannica Escola, realmente existe esse parentesco. Ambos os moluscos possuem tentáculos com olhos nas pontas, só que o corpo do caracol é enrolado dentro da concha e parte fica para fora, havendo essa proteção extra e estruturas auxiliares de respiração, e a lesma não possui essa estrutura, é um corpo mole, com respiração pela pele e que se desloca deslizando por aí. Tanto as lesmas quanto os caracóis se alimentam fundamentalmente de plantas.

 

 NADA DE SAL PERTO

 

Muitas pessoas utilizam o sal (cloreto de sódio) para sacrificar esses animais. Isso se deve ao fato de o sal possuir capacidade higroscópica, ou seja, atrai umidade para sua superfície, e o corpo de lesmas e caracóis é cheio de umidade. A perda de água faz com que as células comecem a se desfazer, e se a quantidade de sal ultrapassar a pequena capacidade de resistir à agressão, é morte na certa.

 

 

 PODEMOS PEGAR ALGUMA DOENÇA?

 

O ideal é não ter contato, e se achar esses animais, pegá-los com um saco e afastar. Matar com sal elimina o animal, mas não microrganismos que o tenham como hospedeiro. A esquistossomose é uma doença levada pelo caramujo, ou por água contaminada. Ainda existem os danos em algumas culturas vegetais e em jardins.

 

 É PRECISO HAVER MACHO E FÊMEA, OU SEJA, EXISTE ESSE CASAMENTO MESMO?

 

Sthefane D’ávila e outros autores, em 2016, publicaram um artigo sobre esse tema na Revista Brasileira de Zoociências. Não vai haver relação entre lesma e caracóis, mas em uma mesma espécie, dentro do universo dos gastrópodes das ordens Pulmonata, Prosobranchia e Systelommatophora.

 

Nas lesmas e caracóis, existem indivíduos hermafroditas, que não só possuem os dois gametas, como casos em que ocorre a autofecundação, ou seja, nem casar é preciso para reproduzir. Claro que isso é uma desvantagem do ponto de vista genético, por não permitir a variabilidade genética e favorecer doenças. Por outro lado, é possível manter a espécie com menos indivíduos.

 

A complexidade da reprodução de lesmas e caracóis é ainda maior e envolve muitos detalhes. A função do indivíduo no momento, a quantidade de parceiros e a longevidade após o começo da vida reprodutiva são diferentes entre espécies.

 

E A VIDA DAS TOUPEIRAS, COMO É?

 

Outros animais que chamam a atenção e despertam a curiosidade são as toupeiras. Como são? Onde vivem? Descubra na sugestão de post da linha azul 👇🏻:

 

 

 

E AINDA MAIS PARA VOCÊ:

👉 Como é ser uma toupeira?

 

 

GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!