“Ou o Brasil acaba com a saúva, ou a saúva acaba com o Brasil"

por - sexta-feira, junho 21, 2019

Ciência & Saúde


Esse slogan partiu de uma campanha do Ministério da Agricultura nos anos 1950. No final das contas, nem a saúva acabou com o Brasil, nem o Brasil acabou com a Saúva.

https://www.oblogdomestre.com.br/2019/06/Sauvas.Alimentos.CienciaESaude.html
[Imagem: Imuni]



Esse slogan acabou se popularizando porque a saúva atacou lavouras de vários gêneros alimentícios, causando enormes prejuízos. E o pior de tudo: a formiga nem come o que corta (saiba mais nos posts sugeridos).

Mesmo sem ter acabado com o país, a saúva segue exigindo controles diversos. Naquela época, e até hoje, é duro o trabalho de achar os formigueiros e aplicar o fumigante. E existe outro tipo de controle, que é o de preparar as saúvas para a alimentação humana.

Vários são os nomes dados às formigas do gênero Atta, chamadas de saúvas, içás ou tanajuras. E quando viram prato, há quem diga que são o caviar brasileiro.

A forma de preparo não é das coisas mais amigáveis. Assim como acontece com alguns animais, são aferventadas vivas em água quente. Após, limpas e, por vezes, fritas. A conservação se dá pela salmoura.

https://www.oblogdomestre.com.br/2019/06/Sauvas.Alimentos.CienciaESaude.html
[Imagem: Gazeta do povo]


Quanto às percepções de quem comeu, há quem relate cheirinho de capim-limão. A fritura, logicamente, faz com que a saúva fique crocante.

Fala-se em caviar porque o que se come são as ovas dentro do abdômen. O ato de comer seria de origem indígena, de povos que viam com maior naturalidade o ato de comer insetos, que possuem alto teor proteico e podem ser uma chave para a alimentação humana daqui a alguns anos.

Os indígenas faziam ainda mais com a saúva. Como não havia curativos para cortes, uma formiga era obrigada a morder as partes cortadas e era destroncada, fixando com as garras.








GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!

#PartiuLer Mais essas sugestões de posts!

0 comentários

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Não aceitamos comentários com links. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELA BARRA LATERAL - OU INFERIOR NO MOBILE) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!