Whey Protein — Por que é tão popular? É realmente necessário?


Alimentos


Que o suplemento whey protein está na moda ninguém discorda. Todo o mundo já tomou ou conhece alguém que o toma. E, em um mundo onde cada vez mais gente se preocupa com a saúde e a boa forma física, faz sentido que alguns suplementos se tornem populares, principalmente entre as pessoas que buscam alguma forma de obter um “algo a mais” em seus esforços e acreditam que os suplementos possam ser esse “extra”, além daqueles que estão buscando algum tipo de solução milagrosa para atingir resultados mais rapidamente.

Mas será que o whey protein realmente entrega tantos resultados assim? Será que ele é saudável? Ou seria o whey algo completamente dispensável — fruto do marketing da indústria de suplementos?

Se você gostaria de ter a resposta definitiva para essas questões, leia este artigo até o final, porque assim você saberá de fato qual a real função do whey protein — a verdade que mais de noventa por cento das pessoas simplesmente desconhece. Entender essa verdade parte de, em primeiro lugar, saber o que é esse o suplemento.


https://www.oblogdomestre.com.br/2019/05/WheyProtein.Alimentos.MitosEVerdades.html
[Imagem: Revista Exame]



O QUE É O TAL DO WHEY PROTEIN?


O whey protein nada mais é que uma proteína. Ele é considerado uma proteína completa, justamente por conter todos os aminoácidos que o ser humano precisa ingerir. Existem várias fontes de proteínas completas na natureza — e praticamente todas elas são de origem animal.

No caso do whey, ele é um subproduto do processo de fabricação do queijo — realizado a partir do leite bovino. O leite, como você talvez saiba, é composto por proteínas, gorduras e carboidratos. E, dentre as proteínas do leite, existem duas principais: a caseína e o whey protein.

Dessa forma, seria simples imaginar que o whey vendido em potes coloridos Brasil afora seria apenas esse whey refinado, certo? No entanto, o  produto whey protein que você compra nas lojas é composto por mais coisas.

Isso porque, além da proteína que citamos, ele pode conter resquícios da gordura ou de carboidratos do leite, principalmente nos caso dos wheys mais baratos — uma vez que refinar e filtrar sucessivamente é um processo intensivo e progressivamente mais dispendioso. Além disso, muitos deles levam aditivos industriais — como corantes, aromatizantes e adoçantes — para ficarem com um sabor gostoso de baunilha ou chocolate, por exemplo. E alguns ainda levam subprodutos da soja (como lecitina de soja) para ganharem volume ou consistência adequados. Portanto, como você percebeu, apesar de o whey ser uma boa fonte de proteínas, ele pode ter como ponto negativo o fato de ser altamente processado.

COM TUDO ISSO, SERÁ QUE VALE A PENA CONSUMIR WHEY PROTEIN?


A resposta é um sonoro “depende”. Vamos ver agora que tipos de pessoas podem se beneficiar da ingestão de whey, e, assim, você consegue decidir se ele é adequado para você. Conforme falamos, o whey protein é uma proteína completa. E, como você talvez saiba, ele é gostoso, e extremamente fácil de consumir, sendo usado em receitas, shakes, e muito mais. Esta é uma das vantagens do whey protein: ele é extremamente conveniente e cômodo (muito mais do que preparar refeições), sendo que seu uso principal é ajudar a complementar a ingestão de proteínas para pessoas que têm dificuldade em comer tanta proteína quanto deveriam.

Como exemplo, temos pessoas que têm naturalmente pouco apetite — e que têm dificuldade de ingerir uma maior quantidade de alimentos. Outro exemplo são os fisiculturistas. Eles costumam ter uma demanda maior por proteínas, e certa dificuldade em atingir essa demanda apenas comendo os alimentos normais do dia-a-dia.

No entanto, se você está em uma dieta para emagrecer, provavelmente seu problema é o contrário: você já está comendo menos quantidade de comida. Então não é interessante ingerir algo que vai trazer uma menor sensação de saciedade.

Apenas para comparação, 30 g de whey protein têm o mesmo tanto de proteína que cerca de 300 g de claras de ovo. Só que comer essa quantia de claras de ovos vai te deixar muito mais satisfeito do que simplesmente tomar um shake de whey ,além de não conter os aditivos industriais que mencionamos acima. Nesse caso, fica claro que a melhor alternativa é apostar na comida de verdade, pouco processada.

SERÁ QUE VOCÊ DEVERIA TOMAR WHEY PROTEIN?


De maneira resumida, se você tem uma dieta inteligente - cheia de comida de verdade, com uma ingestão adequada de alimentos ricos em proteínas — como carnes, ovos, peixes, e laticínios -  você provavelmente não precisa de whey protein. Além disso, se optar por aumentar sua ingestão de proteínas, saiba que costuma ser mais barato simplesmente aumentar seu consumo desses alimentos. Como bônus, você obterá diversos outros nutrientes que estão presentes nessas comidas — como gorduras boas, vitaminas, e minerais.

E, se optar por produtos lácteos (incluindo leite, iogurte, queijo, kefir e skyr) você tem os exatos mesmos nutrientes (como cálcio, e fatores de crescimento como o IGF-1) que obteria no whey — e ainda alguns outros como bônus. No entanto, se sua dieta é pobre em alimentos como carnes, aves e peixes — como no caso de uma dieta vegetariana, por exemplo — aí a suplementação pode ser uma alternativa válida para que sua ingestão proteica atinja níveis ideais para você, sendo que determinar quais são esses níveis para seu caso específico é algo que pode ser feito pelo seu nutricionista de confiança.

FECHANDO ESSE ASSUNTO...


Conforme vimos, por um lado o whey protein é uma proteína completa e saudável, de alto valor biológico. Por outro, ele não tem nenhuma “mágica” especial — isto é, nada que seja significativamente melhor do que comer alimentos ricos em proteína. Certamente, consumir whey não vai atrapalhar seus resultados.

Porém, para a maioria das pessoas, também não vai trazer resultados adicionais — especialmente se elas já têm uma dieta minimamente decente. A sua maior vantagem em relação a outras formas de proteína é a enorme conveniência de consumi-lo.

O fato é que o whey tem sido propagado como algum tipo de “diferença entre o sucesso e o fracasso” de muitas pessoas. Mas isso é obra de marketing — e a ciência simplesmente não suporta essas afirmações. Esta é a verdade inconveniente que as empresas de suplemento não querem que você saiba: que, com o custo de um pote de whey, você poderia comprar muito mais proteína na forma de carne ou peito de frango, por exemplo.

Se você sente que aprendeu algo ao ler este texto, convido você a compartilhar este artigo, porque tenho certeza de que você conhece alguém que já tomou whey protein — e sente que essa pessoa tem o direito de saber a verdade.
Obrigado pela leitura!


👉 E ainda mais para você: O que os veganos vestem?



GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!

Nenhum comentário:

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Não aceitamos comentários com links. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELA BARRA LATERAL - OU INFERIOR NO MOBILE) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!

Tecnologia do Blogger.