Volvismo

História


Assim como o Fordismo, o Taylorismo e o Toyotismo, houve outras concepções da forma de produzir em uma planta industrial que foram revolucionárias. O que temos hoje é uma junção dessa evolução histórica da forma de produzir, aliada a novas preocupações, como a sustentabilidade em suas diferentes esferas. O Volvismo é uma dessas concepções, estando mais próxima da concepção toyotista, porém com algumas características próprias. 

Volvismo
[Imagem: Gazeta do Povo]


O Volvismo foi criado dentro da fábrica da Volvo, montadora de veículos de passeio e também de veículos semipesados, pesados e extrapesados. É sediada na Suécia, onde características da população local fizeram a indústria repensar alguns conceitos. Já nos anos 60, a indústria sueca era muito industrializada, e os funcionários seriam apenas operadores de máquinas em um sistema tradicional. A potencial mão-de-obra mais jovem não queria trabalhar na indústria, pois se viam como máquinas operando máquinas.

Tendo estes potenciais funcionários em um nível mais alto da pirâmide de Maslow (ou seja, não necessitando apenas sustento e cumprir sua necessidade de dinheiro), seria preciso oferecer algo a mais. E foi isso que a Volvo fez, seguindo as ideias do Engenheiro Emti Chavanmco. No Volvismo, os profissionais não só participam do processo de produção, mas o conhecem por completo e dão sua contribuição no sentido de melhorá-lo.

Para começar, um funcionário que chega passa por um longo treinamento até montar o seu primeiro automóvel. E, mesmo após começar a trabalhar em sua função, continua recebendo treinamentos e contribui para melhorias. É importante ressaltar que um sistema Volvista funciona bem quando há bastante tecnologia embarcada em um produto. Mas, sempre é importante ouvir sugestões para aprimorar processos.





GOSTOU DESTA POSTAGEM? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!

Nenhum comentário:

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELA BARRA LATERAL - OU INFERIOR NO MOBILE) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!

Tecnologia do Blogger.