Curiosidades

 

Um caso chamou a atenção no estado de Alagoas: um senhor idoso foi flagrado dirigindo com uma nova categoria de CNH: A Religiosa. Na imagem abaixo, você pode conferir como era o documento:

 


Era uma dupla carteira de habilitação: duas em uma!
[CNH Religiosa com as fotos de Frei Damião e Padre Cícero. Imagem: G1 / Reprodução]


 

DEPOIS, VOCÊ PODE LER TAMBÉM

» Não caia no conto do namorado estrangeiro

 

» Por que recebo tanto spam?

 

» Cuidados ao movimentar a sua conta bancária

 

COMO TUDO ACONTECEU?

 

Segundo o G1, um senhor idoso de 62 anos estava levando sua netinha de sete anos em uma moto sem placa e retrovisor, e ambos sem capacete. Flagrado em uma blitz, os policiais pediram o documento de habilitação e olhe o que receberam: a CNH religiosa, que é mais um dos documentos que são vendidos em barraquinhas nas festas com temática religiosa.

 

Ao tentar avisar que o documento não era válido, os policiais perceberam que o senhor idoso não compreendia a diferença entre seu documento e um real. Eles decidiram, então, levá-los para casa e não aplicar todas as penalidades, por entenderem não ser um caso de má-fé (e apenas de fé, com o perdão do trocadilho).

 

COMO É UM DOCUMENTO DE HABILITAÇÃO? O QUE FALTOU NA CNH RELIGIOSA?

 

Documentos oficiais, mesmo nas versões digitais, possuem elementos-padrão que permitem a identificação e até verificações contra fraude. A aparência deles vai variar apenas quanto a elementos regionais, como o nome dos órgãos de governo, códigos ou símbolos estaduais. Na imagem a seguir, você vê tudo que se encontra em uma CNH válida:

 

 

CNH com destaque para todos os elementos de segurança do documento
[CNH e seus elementos de segurança. Imagem: Pedro França - JusBrasil / Reprodução]


 

Observe que a CNH que o senhor idoso tinha era muito diferente, usava fontes de texto informais, termos que não estavam adequados ao documento formal, e até as fotos de santos ao invés de titulares. O grande problema é que, como parte de nossa população, ele não deu atenção a aqueles detalhes, pode ser que nem tenha instrução para isso, pois andava em condição irregular e veículo sem registro, fora o fator segurança.

 

Nesse caso, o vendedor da carteirinha não aplicou um golpe nesse senhor, apenas vendeu um artigo religioso, mas isso acende um alerta: e se fosse uma tentativa de golpe mesmo, ele teria caído! Cabe muita atenção a essas situações: fala-se de erros de português em golpes por celular, por exemplo, mas nem todos notam essas coisas.

 

Havia, há alguns anos, salgadinhos ou outros produtos para crianças que vinham com notas de real impressas em tamanho menor, um dinheirinho para crianças brincarem mesmo. Por mais que não fossem a coisa mais simpática e não fosse “necessário” porque eram notas em miniatura, vinha a inscrição ‘SEM VALOR’. Poderia ser interessante que essas carteirinhas também tivessem isso escrito por extenso, se a estética estranha não era suficiente para compreendê-las assim.

 

E QUANDO A TENTATIVA DE GOLPE É REAL

 

É importante ficar atento para não cair em tentativas reais de golpes. Na sugestão de post da linha azul 👇🏻, damos dicas a você de como se prevenir:

 

 

 

E AINDA MAIS PARA VOCÊ:

👉 Evitando cair em golpes

 

 

GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!