Saiba mais sobre coelhos (até dos que não são da Páscoa)

por - terça-feira, maio 14, 2019


Curiosidades


Vários animais podem fazer companhia aos seres humanos como animais domésticos, sendo uma pequena amostra de vida natural e sentimento dentro das nossas casas ou pátios. Uma amizade dessas pode acontecer com cães, gatos, pássaros, galinhas, porquinhos e coelhinhos.

Para qualquer um deles, é preciso dar amor e carinho e saber como que o animalzinho se comporta, do que gosta de comer ou fazer... enfim, saber como tratar seu amiguinho. A seguir, vamos ver algumas características quando esse animal for um orelhudo!

https://www.oblogdomestre.com.br/2019/05/Coelhos.FofuraECuriosidades.html
[Imagem: Free-Photos/Pixabay]



O QUE OS COELHOS GOSTAM DE COMER?


Não vale responder que são as cenouras do Pernalonga, viu?! Eles precisam de alimentos verdes como pasto (capim) ou couves para se alimentar. Como eles são ruminantes, eles fazem uma primeira digestão, regurgitam e mastigam novamente, tendo o estômago característico (com pança, barrete, folhoso e coagulador).

Outra característica marcante na alimentação dos coelhos está nos dentes. Assim como outros roedores, eles precisam continuamente de dar serviço para os dentes, para promover desgaste devido à grande taxa de crescimento deles.

Assim como a proteína animal é algo pesado para nós humanos digerirmos, o mesmo raciocínio se aplica para carboidratos dados aos coelhos. Alguns desses alimentos, como pães e arroz, eles irão recusar. Outros, como milho e muitas frutas, não devem ser oferecidos, pois eles comem, mas não faz bem em porções maiores ou toda a alimentação. O sistema digestivo deles é bem sensível.

SINÔNIMO DE FERTILIDADE E VIDA NOVA


Não é à toa que eles viraram símbolo da Páscoa, pensando na ideia de vida nova. Os coelhos chegam à maturidade sexual de três a quatro meses, já podendo procriar, mesmo com pais e mães.

Essa característica se deve ao fato de os animais (não só coelhos) não terem valores e visão de mundo como os nossos, reproduzindo sem considerar a visão familiar. Claro que problemas genéticos por cruzamentos assim também podem ocorrer, e o ideal está em evitar as ninhadas ou ainda buscar a castração de machinhos (que evita algumas doenças, inclusive, mas exige veterinário que trabalhe nessa área e animal).

Seria bom conseguir ver logo qual o sexo dos coelhos. Entretanto, quando pequenos, é mais difícil notar as diferenças, pelo tamanho dos membros. Quando adultos, é fácil distinguir. Se não dá para ver de início, é bom apartar os filhotes mais crescidinhos e identificá-los depois.

POR QUE TER UM COELHO?


Coelhos podem ser muito dóceis, se bem tratados. Desde pequenos é preciso criar confiança, dando carinho e permitindo que eles convivam sem medo com você.

Como bichinhos, coelhos são uma fofura total: narizinho que mexe, colinhas que abanam, orelhas que se levantam e percebem qualquer ruído, patinhas sendo limpas como se fossem nossas mãos no lavatório... Crianças e adultos se derretem por um coelho.

Em relação às vizinhanças, coelhos geram menos conflitos. As fezes não possuem odor forte e os animais não fazem barulho. O único som que o coelho emite é quando está sendo apertado demais, machucado.

POR QUE NÃO TER UM COELHO?


Como qualquer animal, ele não deve ser presente de Páscoa para crianças descartarem depois se os pais não cuidarem. Sem o carinho devido, eles agem como são na natureza, isto é, como presas que fogem diante de animais maiores, como nós humanos.

Animaizinhos dentro de casa fazem necessidades e falta espaço para a diversão. No caso de criar lá fora e querer que os coelhos procriem (não muito recomendado, pois reproduzem muito), é preciso abrigar a fêmea e os filhotinhos novos porque gatos das vizinhanças podem comê-los.





GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!

#PartiuLer Mais essas sugestões de posts!

0 comentários

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Não aceitamos comentários com links. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELA BARRA LATERAL - OU INFERIOR NO MOBILE) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!