“Se”, por Bráulio Bessa


Mensagens e Poesias


Começando como visitante esporádico, o poeta Bráulio Bessa conquistou espaço no programa Encontro com Fátima Bernardes, na TV Globo, onde possui um espaço semanal destinado a sua poesia, o “Poesia com Rapadura”. Nesse quadro, ele tem a oportunidade de trazer um pouco da poesia nordestina para todo o país.

Segundo Bráulio, suas poesias não dizem apenas aquilo que as pessoas querem ouvir. Elas também têm o poder de dizer o que as pessoas têm vontade de falar ao mundo. É o poder da palavra, não é mesmo?! Abaixo vamos ver a poesia “Se”, que Bráulio já apresentou no programa. Caso você queira ver mais dessas poesias, acesse o Gshow ou adquira o livro do poeta.

https://www.oblogdomestre.com.br/2018/09/Se.BraulioBessa.Poesias.html
[Imagem: Immagine]


» Poetar

SE


“E se ninguém me der força
E se ninguém confiar
E se eu for invisível e ninguém me enxergar

E se eu perder a fé
Se eu não ficar de pé, se eu voltar a cair
Se a lágrima escorrer,
E se por medo de sofrer
Eu pensar em desistir

E se quando eu cair
Ninguém me estender a mão
E se quando eu me perder
Sem rumo, sem direção

Se eu não achar o caminho
Se eu estiver sozinho
No labirinto da vida

E se tudo for escuro
E se eu não vir um futuro
Na estrada
A ser seguida

E se esse tal futuro, meu povo
For pior do que o presente?
E se for melhor parar,
Do que caminhar para a frente?

E se o amor for dor?
E se todo sonhador não passar de um pobre louco?
E se eu desanimar
E se eu parar de sonhar
Queda a queda, pouco a pouco

E se quem eu mais confio me
Ferir e me magoar
E se a ferida for grande
E se não cicatrizar

Se na hora da batalha
Minha coragem for falha
Se faltar sabedoria
Se a derrota chegar e se
Ninguém me abraçar

Na hora da agonia
E se for tarde demais?
E se o tempo passar?
E se o relógio da vida, do nada, se adiantar

E se eu avistar o fim chegando perto de mim
Impiedoso e veloz
Sem poder retroceder me
Fazendo perceber
Que o “se” foi meu algoz

E se eu pudesse voltar
Se o “se” fosse diferente
Se eu dissesse para mim mesmo
“Se” renove!
Siga em frente!
“Se” arrisque!
“Se” prepare!

E se cair, jamais pare!
Levante e se refaça!
“Se” entenda!
“Se” reconheça!

E se chorar
Agradeça
Cada vez que achou graça

Se desfaça da preguiça, do medo e da covardia
Se encante pela chance
De viver um novo dia

“Se” ame
E seja amor
“Se” apaixone, por favor
E se queira bem
“Se” pegue, se desapegue
Se agite, se desassossegue
E se acalme também

Se olhe meu povo
Se olhe, se valorize
E se permita errar
Se dê de presente a chance de pelo menos
Tentar

Se o “se” for bem usado,
O impossível sonhado pode
Se realizar!




👉 E ainda mais para você: Não bastava uma ovelha



GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!

Nenhum comentário:

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELA BARRA LATERAL - OU INFERIOR NO MOBILE) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!

Tecnologia do Blogger.