As algas na natureza, na indústria e na alimentação

watch_later 2 de setembro de 2015
comment Comentar
Ciência & Saúde


As algas possuem uma importância em nossa vida diária muito maior do que conseguimos imaginar. Ao contrário do que algumas pessoas ainda afirmam, poderíamos considerar o pulmão do mundo como sendo os oceanos, pois é neles que se desenvolvem as algas marinhas, que são responsáveis pela maior produção de oxigênio em nosso planeta. Também são utilizadas, por meio de cultivos próprios, como produto culinário ou mesmo como componente na fabricação de gêneros alimentícios e de limpeza.

Usos das algas
[Imagem: Corpo em dieta]


Porém, diante de um desequilíbrio ambiental, as algas marinhas podem causar problemas. Se estas se desenvolverem demais e recobrirem a superfície, ocorre a redução de luminosidade no interior das águas. Isso faz com que algas menores tenham problemas para realizar fotossíntese, vindo a morrer e consumir oxigênio nos processos biológicos de putrefação. Com isso, peixes e outros organismos marinhos morrem por falta de oxigênio, e o problema se agrava. Outros problemas causados por algas são algumas toxinas, produzidas por espécies específicas, que podem causar entupimento de brânquias em peixes ou alguns problemas gastrointestinais.

Como matéria-prima para a indústria, as algas possuem importantes propriedades aproveitadas pelo setor de beleza feminina, como a presença forte de colágeno e sais minerais. É usada em tratamentos de combate à celulite e para dar um aspecto mais firme e saudável à pele. Já a presença de carregenina, um polissacarídeo, faz com que algas vermelhas sejam usadas na produção de cremes dentais, pois esta substância é espessante (dá o aspecto gelatinoso que conhecemos).

O pó de algas vermelhas, por sua vez, chamado de carragena, é utilizado para a remoção de componentes que deixariam as cervejas turvas. E outro subproduto, o ágar-ágar, influi na consistência de produtos alimentícios, como o marrom-glacê (doce de batata-doce, porém de consistência mais úmida e macia do que a raiz original). Ainda há muitas aplicações de algas na indústria alimentícia, sendo a mais popular delas na produção de sorvetes.

Por fim, além de as algas (inteiras, não como componente) servirem como alimento a diferentes organismos marinhos, também compõem a culinária de nós, seres humanos. A culinária japonesa se destaca, com o uso de algas em pratos conhecidos mundialmente, como sushis e temakis.

E ainda mais para você: A Fotossíntese




GOSTOU DESTA POSTAGEM? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!
  • chevron_left
  • chevron_right

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELOS ÍCONES CIRCULARES) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!

sentiment_satisfied Emojis do Google (texto para inserir)