Variedades

 

Planejar um intercâmbio é uma tarefa extremamente importante, afinal, estudar fora do país é algo que exige certos cuidados e que precisa ser muito bem pensado para que tudo ocorra sem grandes problemas e dores de cabeça. Sendo assim, no artigo de hoje nós separamos para você os sete passos fundamentais para planejar o seu intercâmbio. Continue acompanhando para saber quais são eles!

 

 

Já vemos alguém que está indo para seu intercâmbio!
[Estudos podem ter uma alavanca no intercâmbio. Imagem: Javier Trueba / Unsplash]


 

DEPOIS, VOCÊ PODE LER TAMBÉM

» Viajando tranquilo

 

» Como começar um trabalho acadêmico em sete passos

 

» Titanic 2

 

1. ESTABELEÇA O OBJETIVO DO SEU INTERCÂMBIO

 

Por qual motivo você quer fazer um intercâmbio? É para ficar fluente em outro idioma? É para melhorar o seu currículo? É para trabalhar fora do Brasil?

 

Ou é para fazer novas amizades e conhecer mais sobre um determinado país e cultura? Estabelecer o objetivo do seu intercâmbio precisa ser o primeiro passo em seu planejamento, pois, é com base nele, que as outras etapas serão pensadas e desenvolvidas.

 

2. FAÇA UM PLANEJAMENTO FINANCEIRO

 

Como você vai ver ao longo deste artigo, planejar um intercâmbio é algo que envolve diversas etapas e gastos. Por isso, um dos passos mais importantes que você deve se atentar refere-se ao planejamento financeiro, afinal, quanto dinheiro você precisará para fazer o intercâmbio?

 

Sendo assim, é de suma importância que você monte uma planilha em seu computador ou celular e anote todos os gastos que terá, mesmo que sejam estimados, pois assim você já terá uma boa noção de quanto precisará. Alguns exemplos são:

 

- A agência que você irá contratar;

- O custo de vida do país, isto é, quanto você gastará com alimentação, transporte, acomodação e lazer;

- Seguro viagem;

- Passagens;

- Pagamento da escola/curso;

- e documentação.

 

Além disso, você precisará da moeda local para realizar pagamentos e fazer compras no destino. Por isso, antes de viajar, é importante que você já troque uma certa quantia de dinheiro, por exemplo, em uma casa de câmbios.

 

3. DEFINA O TEMPO DE DURAÇÃO

 

Após estabelecer o objetivo do seu intercâmbio e fazer o planejamento financeiro, é hora de definir quanto tempo você ficará fora do país: duas semanas? Um mês? Três meses? Seis meses? Ou mais? Lembre-se: quanto mais tempo você ficar, mais dinheiro precisará. Por isso, o planejamento financeiro é uma etapa essencial e que você deve fazer da maneira mais detalhada e realista possível.

 

4. ESCOLHA UMA AGÊNCIA

 

Outro passo fundamental para planejar um intercâmbio é escolher uma agência. Nessa etapa, é de suma importância que você pesquise bastante e escolha uma empresa confiável, que preste um serviço de qualidade e que esteja no mercado há um bom tempo.

 

Além disso, procure conversar com pessoas que já fecharam com essa agência e pergunte sobre a experiência que tiveram. Escolher uma boa agência é um passo extremamente importante, pois ela lhe dará todo auxílio e suporte necessário.

 

5. DEFINA O DESTINO E A CIDADE

 

Esse é um passo bastante importante ao planejar o seu intercâmbio, afinal, o destino e a cidade que você ficará precisam estar de acordo com as suas expectativas. Portanto, com a agência que você contratar, defina qual será o local do seu intercâmbio.

 

Pode ser na Inglaterra, nos Estados Unidos, no Canadá, na Irlanda, na Austrália, na Nova Zelândia, na Espanha… há diversas opções para escolher. Lembre-se: a escolha do destino e da cidade precisam estar de acordo com suas preferências, objetivos e estilo de vida, pois tudo isso interfere bastante.

 

Inclusive, ao fazer a sua escolha, não deixe de considerar também o clima, a cultura e a gastronomia do país. Escolha um destino e uma cidade que combinem com você (e claro, que caibam no seu bolso).

 

6. ESCOLHA O CURSO E A ESCOLA

 

Outro passo fundamental para planejar um intercâmbio é escolher o curso que você irá fazer e a escola que irá estudar. Por isso, novamente com a agência contratada, avalie as opções, veja os materiais, os módulos, as características de cada um e tome uma decisão com base nas suas expectativas, vontades e objetivos.

 

7. ATENTE-SE AOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

 

Além do passaporte, dependendo do destino que você for e do tipo de viagem que irá fazer, você precisará de um visto e de outros documentos específicos. Por isso, procure se informar sobre essa parte mais burocrática e tenha todos os documentos necessários para o seu intercâmbio.

 

A documentação é também um aspecto essencial ao planejar um intercâmbio. Pronto! Agora você já sabe quais são os passos fundamentais para planejar um intercâmbio. E caso tenha alguma dica ou comentário a fazer, aproveite o espaço abaixo. Queremos ouvir você!

 

 

ESTE É UM ARTIGO ESCRITO PELA ORION, em espaço para contribuição gentilmente cedido pelo Blog do Mestre. Essa empresa te ajuda a garantir sua reserva em moeda estrangeira (câmbio).

 

O SEGURO VIAGEM

 

Além de todos os passos indicados, existe um cuidado especial com a viagem em si até o local do intercâmbio, pois imprevistos podem acontecer. Na sugestão da linha azul 👇🏻, você fica sabendo mais sobre o seguro que serve para auxiliar nesses momentos:

 

 

 

E AINDA MAIS PARA VOCÊ:

👉 Seguro viagem: como escolher o melhor?

 

 

GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!