As partes de um telejornal

por - segunda-feira, dezembro 19, 2016

Curiosidades


Os telejornais são programas de televisão em que são apresentadas notícias sobre as mais diferentes temáticas, como política, casos policiais, eventos culturais, previsão do tempo, esportes e outras. Conforme a emissora, são permitidas inserções comerciais no interior do programa, mas não é uma regra. Em geral, os telejornais possuem uma estrutura bem definida, com cada parte assumindo uma função importante.

http://www.oblogdomestre.com.br/2016/12/PartesDoTelejornal.Curiosidades.html
[Imagem: Uninorte]


ESCALADA: ao iniciar do telejornal, onde são apresentadas as manchetes das principais notícias. Serve como introdução e impacta o telespectador, chamando sua atenção. É usual o recurso de trilha sonora auxiliar;

ABERTURA: também com trilha sonora, apenas mais intensa do que a da escalada. Pode apresentar, além do nome do telejornal, jornalistas participantes e portal de notícias da emissora ou do telejornal. Precisa ser muito bem elaborada, pois demonstra uma identidade. Em geral, tanto a abertura como o cenário devem seguir cores que correspondam ao momento do dia em que ocorre a transmissão. É curta, durando de 8 a 10 s;

PARTE INTRODUTÓRIA: exceto grandes transmissões ao vivo que sejam chamadas logo de início, a primeira notícia e algumas outras recebem introduções feitas por parte dos âncoras (apresentadores de estúdio);

REPORTAGENS: imagens e vídeos, textos apresentados pelos repórteres em locais neutros ou relacionados ao assunto tratado e infográficos compõem as reportagens. Costuma-se apresentar fontes de imagens, nome do repórter e cinegrafista, dentre outros elementos complementares. Durante quase todo o tempo ocorre narrativa oral, não sendo dada margem para momentos silenciosos, exceto em caso de respeito ao falecimento de alguém;

REPORTAGENS AO VIVO: acrescentam a interação entre âncoras e repórteres, que pode ser reproduzida por meio de telões ou divisão de imagem, colocando a inscrição ‘ao vivo’ junto ao logo da emissora e o repórter ao lado esquerdo do monitor;

PREVISÃO DO TEMPO: pode ser gravada ou com interação entre o âncora e repórter específico para esta função. Alguns telejornais agrupam a função da previsão tempo para o âncora. Antes tendência, algumas emissoras abandonaram o Chroma-key (fundo verde) e passaram a usar telões;

 AMARRAÇÕES E INTERVALO: os intervalos comerciais são bons financeiramente para as emissoras, mas são um buraco de audiência, podendo ser um momento em que o telespectador vai fazer outra coisa, trocar de emissora ou mesmo desligar a TV. Assim, tanto em produções dramatúrgicas como programas de auditório e telejornais é importante chamar o espectador a continuar, gerando expectativa. Para isso são feitas introduções ao bloco seguinte;

ENCERRAMENTO: pode incluir notícias rápidas, chamada para o próximo telejornal e anúncio dos vídeos de reportagens no portal de notícias;

CRÉDITOS: demonstram toda a equipe que esteve envolvida no telejornal, que vai muito além de quem se vê no monitor.


E ainda mais para você: 11 de setembro de 2001



GOSTOU DESTA POSTAGEM ? USANDO A BARRA DE BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS 😉!

#PartiuLer Mais essas sugestões de posts!

0 comentários

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Não aceitamos comentários com links. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELA BARRA LATERAL - OU INFERIOR NO MOBILE) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!