31 símbolos curiosos

Você certamente já viu algum!

 


[Diversos destes símbolos são usados como simplificação de ideias, tendo usos universais. Foto: O Blog do Mestre]

 

Vários símbolos são empregados em nosso dia-a-dia, seja para indicar uma simples sílaba tônica em uma palavra, seja para indicar alguma característica comum em problemas matemáticos, etc. A simbologia, por esta vasta aplicação, pode simplificar a linguagem escrita, pois um indivíduo falante de língua portuguesa sempre saberá qual a entonação oral ao se deparar com um sinal de exclamação ‘ ! ‘ ao fim de uma frase. Porém, ao mesmo tempo, é um grande problema para a compreensão das ciências exatas, pois, de acordo com autores e raciocínios diferentes, símbolos diferentes são usados com a mesma ideia. Mas há símbolos que são universais, como ‘ % ’, e a letra grega Psi, que remete à Psicologia. Vejamos abaixo alguns destes símbolos, enumerados de acordo com a figura, da esquerda para a direita, de cima para baixo:

01 – Ômega minúsculo: esta letra grega é usada comumente pela Física para indicar velocidade angular ou frequência angular em movimentos oscilatórios.

02 – Por cento / por mil: São usados corriqueiramente como forma de comparação em relação a valores, em taxas de juros, etc. As porcentagens, quando há apenas um zero abaixo da barra, são mais comuns do que a relação por mil, quando o denominador de fator comum é 1/1000. Este símbolo (por mil) é comumente usado nos indicativos de mortalidade infantil.

03 – Teta: A letra grega teta é famosa por nomear ângulos, tanto em graus quanto em radianos, e funções que indiquem estes ângulos em movimentos descritos por componentes radiais e transversais.

04 – Tau: esta letra, também de origem grega, é usada para pelo menos três grandezas físicas distintas: trabalho (dado pelo produto escalar entre força e deslocamento), torque ou momento de uma força (produto vetorial entre braço de alavanca e força) e tensão tangencial em uma superfície (estudada pela mecânica dos fluidos).  

05 – Signum sectionis: de origem latina, este símbolo indica dois esses entrelaçados (uma ideia semelhante ao logo do Banco do Brasil), indicando parágrafos ou, na legislação brasileira, subníveis de uma determinada lei. É facilmente observado nos teclados de computadores, por seu largo emprego, sendo acessível por meio da combinação ‘alt gr’ + ‘=

06 – Exclamação / Fatorial: Quando símbolo de exclamação, promove sentido de ênfase ou surpresa em uma frase. Um bom leitor (isto é um verdadeiro dom) sabe mudar a entonação de voz ao se deparar com uma exclamação. Matematicamente, um fatorial indica um produtório de i variando de 1 a n, para um n natural. No caso do zero, por definição, 0! = 1. Alguns afirmam que usou-se a exclamação para dizer, oh! – como esse numero cresce! (Para ler isso, pense como um bom leitor)– pelo crescimento de n! à medida que n aumenta.

07 – Arroba: Este símbolo consagrou-se, originalmente, como um divisor entre nome de usuário e domínio de e-mail, mas ganhou mais significados com o surgimento do twitter e facebook, servindo para indicar nome de usuário no perfil (@fulanodetal) ou indicar alguém em foto ou postagem no facebook da mesma forma. Porém, só no twitter é que esta estrutura gera link direto para um perfil.

08 – Traço superior: Indica várias coisas também. O uso mais comum é como indicação de média ou valor mais provável (estatisticamente) de uma variável, sendo apresentado desta forma em calculadoras científicas. Estando somente sobre um algarismo numérico, indica que este é o algarismo duvidoso, em valores experimentais, ou, em um ou mais algarismos em uma dízima periódica, os valores que se repetem na parte fracionária, ou seja, o período.

09 – Beta: Letra famosa por nomear ângulos, claro que, preferencialmente depois de um ângulo alfa surgir. Esta letra também emprestou seu nome para programas em fase de testes, ainda não concluídos.

10 – Eta: Letra grega que indica determinada grandeza dividida pela massa do corpo considerado.

11 – Rô: Letra grega que é usada para designar raio de uma circunferência ou de um ponto em relação a uma origem de um sistema de coordenadas polares. Nem sempre é usada com este fim, apenas quando a letra r é ocupada com outra variável (um vetor posição, por exemplo). A letra rô também é usada para densidade ou massa específica (massa / volume).

12 – Ômega maiúsculo: letra grega ‘em forma de ferradura’ usada como símbolo para ohm, que é a medida de resistência elétrica (dificuldade à passagem de corrente elétrica) de um resistor. É a última letra do alfabeto grego.

13 – Alfa: A primeira letra do alfabeto grego é comumente usada para indicar ângulos. Por esta ideia de início, sua forma maiúscula é desenhada nas velas de Círio Pascal, simbolizando o início do ano cristão, abaixo fica a letra ômega maiúscula, representando este fim.

14 – Mi: Esta letra grega é usada como coeficiente de atrito estático ou dinâmico, ou como prefixo para micro (10-6), da mesma forma que k é usado para quilo (10³).

15 – D/ delta diferencial: Alguns afirmam que seja uma forma estilizada para a letra grega delta. Pode ser, se considerarmos o uso da letra em matemática, para indicar variações. Mas, pela grande diferença de estilo, a hipótese mais provável é de que seja um ‘d’ curvo, indicando diferencial.

16 – Ae: pode ser o que parece ou não: esta letra do cirílico varia muito de significado, podendo representar apenas alguns fonemas ou uma letra distinta dependendo da língua. Assume sons como / i /, /ae/, / é / e vários outros.

17 – Trema / Diferencial pontual: O trema é um sinal de pouca utilidade na escrita na Língua Portuguesa, marcando a pronúncia ou não da vogal u, ou mudança de som desta vogal. Nem quando possuía mais aplicações era respeitado pelas lojas, que escreviam ‘liquidação’ e anunciavam como se fosse ‘liqüidação’, cuja pronúncia era diferente. Atualmente, o trema ainda é usado em nomes e sobrenomes consolidados, estrangeiros ou de cientistas. Porém, estes pontos também podem ser outra forma de indicar, em matemática, derivadas temporais de 1ª ordem (um ponto) ou de segunda (dois pontos).

18 – Interrogação prévia: Em língua espanhola, o que é uma excelente ajuda na entonação vocal para o leitor, usa-se um sinal de interrogação invertido antes do início de alguma pergunta ou questionamento. O mesmo ocorre em frases exclamativas.

19 – Fi: Esta letra grega indica o fluxo de alguma grandeza (energia, calor, etc.). Também, em sua versão maiúscula e minúscula, chamadas de fi maior e fi menor, caracterizam grandezas relacionadas com a razão áurea. A terceira forma apresentada, que é mais simples que as anteriores, é usada como símbolo de diâmetro.

20 – Upsilon: Letra grega usada de forma análoga à letra v como símbolo de velocidade escalar.

21 – Delta: É uma das letras gregas mais famosas e de mais ampla utilização. É, por sua vez, tristemente simplificada para um triângulo. Indica variação de alguma grandeza, sendo a sua forma maiúscula para grandes variações e a forma minúscula para pequenas variações (diferenciais). No ensino fundamental, torna-se famosa por designar o discriminante em equações polinomiais de segundo grau. Também usa-se a letra delta (maiúscula) para determinantes na regra de Cramer.

22 – Psi: nada mais natural que associar tanto o nome desta letra grega como a sua representação à Psicologia, responsável por sua difusão. É a penúltima letra do alfabeto grego, vindo antes da letra ômega. A tradução deste nome para o português nada mais consiste do que o som na língua grega, que se difundiu em algumas línguas latinas como o português e não no inglês, onde psicology possui ‘p’ mudo.

23 – Épsilon: Em alguns livros mais antigos, substituindo a letra E, esta letra grega é usada para a variável Energia em circuitos RC, RL e RLC.

24 – Volume/ para todo: Este ‘a virado’ possui duas funções matemáticas especiais: indicar volume (o que fica bastante interessante, por parecer um cone parcialmente cheio, em corte; ou por substituir a expressão ‘para todo’.

25 – Lemniscata: a curva paramétrica polar foi a melhor simbologia já encontrada para infinito, pois transmite de cara a ideia que propõe, como algo que não possui fim definido. Esta curva é o símbolo do ambiente de programação Visual Studio da Microsoft, que ficou um tanto estranha após a retangularização, coloridização e simplificação de formas de todos os logos de produtos da empresa. Há até uma visão transcendental para a figura da lemniscata, sendo o ponto central o portal entre os dois mundos, que são os laços entre nascimento, vida terrena e morte, e outro laço do outro lado da vida.

26 – Gama: Esta letra, também de origem grega, indica um tipo especial de radiação, bem como o coeficiente termodinâmico de expansão adiabática.

27 – Kapa: A letra grega kapa é usada para indicar constantes, bem como as letras C e K do alfabeto latino.

28 – Sigma: A letra Sigma é usada, em sua forma maiúscula, como indicador de somatório, ou seja, uma regra de soma de numerosas parcelas ao progredir de um valor iterativo i até um valor n. Isso faz com que somas infinitas possam ser escritas de forma bastante compacta. Já a forma minúscula indica tipos de ligações químicas e tensões normais.

29 – Lambda: A principal aplicação desta letra de origem grega é para designar comprimentos de onda, sendo estas mecânicas, eletromagnéticas, etc.

30 – Pi: Outra famosa letra grega, em sua forma minúscula, simboliza uma constante, dada pela razão entre o comprimento de arco de uma circunferência dividido pelo seu diâmetro. Até por o que se sabe, π não é uma dízima periódica, possuindo bilhões de casas decimais conhecidas. Já a forma maiúscula é usada para uma notação semelhante à notação somatório com sigma, que é o produtório. n fatorial nada mais é do que um produtório de i variando de 1 a n.

31 – Ângstron: Um ângstron é uma minúscula unidade de comprimento, equivalendo a 0,1 nanômetros, ou 10-10 m.
 


 
 

Þ Gostou desta postagem? Usando estes botões, compartilhe com seus amigos!

Nenhum comentário:

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELA BARRA LATERAL - OU INFERIOR NO MOBILE) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!

Tecnologia do Blogger.