Cantar Estradeiro

watch_later 23 de maio de 2013
comment Comentar
O BLOG DO MESTRE
O que vem por traz de uma boa canção tradicionalista? Esta canção traz algumas possíveis respostas, na interpretação marcante do grupo ‘Os Monarcas’.


De tanto eu abrir o peito a cantar cantigas deste meu pago
Me tornei um índio vago a cantarolar pelos corredores
A vida nos deu a chance e nós conduziu para ser cantores
De toda essa cantoria nasceu a alegria dos payadores. 

Meu cantar vem de a cavalo e traz um pealo de sob o lombo
Vem baralhando o freio e sai dos arreios antes do tombo
Meu canto é tradicional e traz por sinal as vozes do vento
É como diz o ditado : vem ajojado de sentimentos. 

Vai, vai, vai, vai, meu canto estradeiro, vai
Conquistando os horizontes como fizera meu pai
Vai, vai, vai, vai, meu velho canto estradeiro
Enforquilhado no basto no vasto chão brasileiro. 

O meu cantar não se aparta e fareja a marca das tradições
Por onde quer que ele ande leva o rio grande em suas canções
E quando na madrugada minha jornada for serenata
Meu canto velho escarceia nunca se aperta e jamais desata.

Escute a música em http://www.osmonarcas.com.br/, escolhendo o galpão de festa e clicando sobre o rádio nele presente. Esta música foi lançada no disco ‘No tranco dos Monarcas’, no ano 2000.

Você também pode gostar de: (Músicas) Trancão de Vanera.



Þ Gostou desta postagem? Usando os botões abaixo, compartilhe com seus amigos!
  • chevron_left
  • chevron_right

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELOS ÍCONES CIRCULARES) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!

sentiment_satisfied Emojis do Google (texto para inserir)