Quando eu me for

watch_later 26 de abril de 2013
Mensagens
 

[Foto: Angra Samuel]

 

Quando eu me for por umas horas, sentirá a minha falta e pensarás em mim.
Quando eu me for por uns dias, pensarás em mim e uma tristeza imensa te deixará amargurado.
Quando eu me for por uns meses, sentirá nostalgia e uma saudade imensa o deixará insatisfeito.
Quando eu me for por uns anos, aguardarás a minha volta como o porto aguarda os veleiros.
Quando eu me for para sempre, quando eu não mais voltar, quando não tiveres mais meu carinho, quando não mais tiveres meu amor, quando não mais tiveres a minha presença, parecerás sofrer, parecerás morrer, parecerás um vazio diferente, mais que nada, não deves querer sofrer, não deves querer morrer, será uma fuga.
Lembre-se que o nosso amor foi mais alimentado de recordações e ilusões. Podes lembrar de mim sorrindo ou com lágrimas nos olhos, triste ou alegre; quando ouvires a nossa música, lembre-se de que nada no mundo fará com que deixe de ser nossa! A sinfonia é eterna!
Quando ouvires uma criança chorar, lembre-se de que para ti fui sempre uma criança inocente: só elas sabem o que querem!
E quando fores arrumar uma mecha descuidada de seus cabelos, lembre-se de que para ti eu arrumava. Quando alguém olhar bem dentro dos seus olhos, lembre-se de que assim eu te olhava.
Quando alguém beijar o teu rosto, lembre-se de que eu também beijei a tua face e uma carícia é sempre uma carícia, é um motivo de ternura: quando alguém te amar, lembre-se que eu também te amei muito.
Assim, quando eu me for para sempre, terás em tudo a minha presença das mais lindas recordações e estas te darão forças para enfrentar o futuro, sentirás a necessidade de alguém e lutarás contigo mesmo e esta será a pior das lutas, mas lembre-se: tudo é passageiro.
Então, esquecido eu serei para ti, uma recordação quase vaga, um ponto final, serei vento, nuvem, serei o tudo do nada e o pouco de tudo.
Serei o tempo que já passou...
 

Veja também: (Mensagens e poesias) A morte não é nada

 
 
 

>> Gostou desta postagem? Compartilhe!
  • chevron_left
  • chevron_right
avatar

Este poema, quem é o autor.... e quando foi escrito????

delete 30 de abr de 2016 15:54:00
avatar

Obrigado por sua visita, Helder! Quando tenho informação sobre o autor, ela sempre será inserida no Post!

delete 30 de abr de 2016 21:19:00

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELOS ÍCONES CIRCULARES) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!

sentiment_satisfied Emojis do Google (texto para inserir)