O meio em que vivemos influencia na forma em que nos comunicamos

Literatura


David Abram, em sua obra “Os 100 maiores visionários do século XX”, ilustra bem alguns pontos importantes quando se trata de comunicação oral e escrita. Nesta obra, Abram discorre sobre a comunicação não como uma forma de nos relacionarmos com um mundo que se encontra isolada dos outros sentidos, como a audição, o olfato, a visão. 

E a comunicação, na forma em que hoje estabelecemos, cada vez mais pautada nas mensagens via redes sociais, está tirando das crianças e adolescentes uma grande riqueza, que é a possibilidade de ter contato com os outros e encher-se das maravilhosas experiências e aventuras de infância das quais tanto gostamos de recordar. Por outro lado, vendo o contexto atual, se pode perceber um medo cada vez maior dos pais em expor seus filhos ao mundo, motivado pela ‘insegurança’ dos pais e do mundo.

Neurônios
[Imagem: Neuraventura]



E, fruto desta forma com que aprendemos a perceber o mundo, temos uma visão diferente de comunicação. Para os povos primitivos, o contato com as árvores, o canto dos pássaros, farfalhares e toda a ‘vida dinâmica da Terra’ são formas que ela encontra para se comunicar conosco. Povos primitivos acreditavam na divindade de elementos naturais, até mesmo os reverenciando.
Com a nossa cultura racional, passamos a pensar que somos os únicos seres capazes de se comunicar e, ao mesmo tempo, deixamos de lado uma relação amigável com o Meio Ambiente, o que fez com que, por muito tempo, não nos víssemos mais como parte dele.
Por outro lado, o autor sinaliza que, par desenvolvermos a cultura escrita, temos de, (o que deveria ser em parte) romper os laços da cultura oral de nossos ancestrais e “a espontânea concentração de nossos sentidos em nossa vizinhança natural para que possamos recombinar nossos olhos e ouvidos na atenção dirigida para a superfície plana da página.”


E ainda mais para você: Monteiro Lobato e o Sítio





Þ GOSTOU DESTA POSTAGEM? USANDO ESTES BOTÕES, COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!

Nenhum comentário:

Seu comentário será publicado em breve e sua dúvida ou sugestão vista pelo Mestre Blogueiro. Caso queira comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo desta. Muito obrigado!

NÃO ESQUEÇA DE SEGUIR O BLOG DO MESTRE NAS REDES SOCIAIS (PELO MENU ≡ OU PELA BARRA LATERAL - OU INFERIOR NO MOBILE) E ACOMPANHE AS NOVIDADES!

Tecnologia do Blogger.